Belas Galáxias e a Grande Nuvem de Magalhães Anotada


A galáxia espiral NGC 2683 tem uma barra através do seu centro? Pode-se supor que ela tem mas, vista assim quase de lado, é difícil afirmar que ela tem uma barra central como a Via Láctea. 

Esta linda ilha universo, catalogada como NGC 2683, encontra-se a apenas 20 milhões de anos-luz de distância ao norte da constelação do Lince

NGC 2683 é observada quase de borda - numa imagem cósmica feia pela combinação de dados e imagens do telescópio terrestre Subaru e o Telescópio Espacial Hubble. 

Muito além da NGC 2683 vemos galáxias distantes espalhadas no fundo da imagem.

A luz misturada de uma grande população de estrelas velhas amareladas forma o núcleo galáctico notavelmente brilhante. 

A luz das estrelas salpicam com brilho azul as silhuetas das faixas de poeira ao longo dos sinuosos braços espirais, e revelam aglomerados de estrelas jovens nesta galáxia e as regiões que as formam.

Fonte: Astronomy Picture of the Day
Crédito de imagem: Telescópio Subaru ( NAOJ ), o Telescópio Espacial Hubble, da Assembleia de imagens, processamento, e direitos autorais: Robert Gendler




A galáxia irregular NGC 55, deve ser semelhante a Grande Nuvem de Magalhães, está a 6 milhões de anos-luz de distância e pertence ao Grupo de Galáxias do Escultor. 

A NGC 55 foi classificada como galáxia irregular e é semelhante à uma galáxia com uma barra central em seu disco. 

Abrangendo uma área de cerca de 50.000 anos-luz, NGC 55 é vista quase de lado, apresentando uma forma achatada, um perfil estreito. 

Este retrato da NGC 55 altamente detalhado destaca um núcleo brilhante cruzado por nuvens de poeira, regiões que formam estrelas, em cor rosa, e jovens aglomerados de estrelas azuis.

Fonte: Astronomy Picture of the Day 
Crédito de imagem: Don Goldman




A inteira Grande Nuvem De Magalhães (imagem feita da Terra)  
Esta imagem mostra toda Grande Nuvem de Magalhães, com alguns dos objetos mais brilhantes anotados. 

O esboço mostrado corresponde à imagem panorâmica do Digitized Sky Survey 2. O campo de visão é de cerca de dez graus de diâmetro. 

Fonte: Space Telescope Institute
Crédito: Robert Gendler/ESO


Nota:
A galáxia irregular NGC 55 foi comparada a Grande Nuvem de Magalhães (LMC), então nada mais justo que ela seja exibida aqui para observação.

O fato da imagem ser anotada vai tornar muito interessante conhecê-la melhor. 

Ela é uma galaxia irregular, está a acerca de 180.000 anos-luz de distância e é uma galáxia satélite bem conhecida da nossa Via Láctea.

Agrande diferença entre a LMC é que ela está perfeitamente visível pois esta de frente para nós,mas a NGC 55 está quase de lado sendo difícil uma análise mais detalhada.

Amplie a imagem e conheça a Grande Nuvem de Magalhães.




Postagens mais visitadas